Crítica

BE THE ONE | O filme para os fãs (Crítica)

Sucesso absoluto no seu lançamento, o filme Be The One faz parte da franquia tokusatsu Kamen Rider Build e se passa no mesmo momento da série televisiva em que aparecem os três novos ministros mortos pelo Evolt  (já quase no final do show).

No começo do filme vemos Build salvando duas crianças de dois Smashs (sim temos o retorno dos smashs mas aqueles mais fortes que aparecem lá pro final) e o novo ministro declarando que o problema para a pacificação do mundo era a existência do Kamen Rider Build, e toda a população começa a caçada contra ele (isso incluí a Missora e a Sawa).

Logo após esse pronunciamento, descobrimos que os três ministros novos também são de Marte e também são amigos de Evolt, eles querem na verdade o fim do herói. O plano deles é tão grande que tudo o que aconteceu na série teve o dedo dos três novos ministros. Gentoko está se adaptando à vida como novo herói, Ryuga e Kazumi estão visitando seus entes queridos em seus túmulos. Então começa uma luta entre os Riders contra os marcianos e quando Build está lutando contra o ministro de Touto, Banjo aparece possuído e eles lutam entre si, no final disso, Evolt salva Sento.

O filme vem com várias cenas de lutas bem feitas, a produção possui uma reviravolta muito surpreendente no enrredo e que acaba ligando muito com a série de televisiva, lembrando que esse filme se passa quase no final da serie de TV, por isso temos uma grande conexão.

Fora ainda que o filme é bem amarrado com a série, ele explica uma pequena ponta solta que ficou faltando, as atuações sempre são boas, principalmente a do ator que faz o Kazumi. O cara é bom demais. O CGI do filme ficou bem de acordo com a produção série.

Em breve eu posto a critica sobre o filme do Ryuga que se passa após os eventos do final do seriado.

Nota para o filme: 4,5 / 5

                                                    


Gostou da matéria? Então dá aquela força, comenta e compartilha com seus amigos, curta, siga e fique ligado no Protocolo XP nas redes sociais.

Protocolo XP no Facebook

Protocolo XP no Twitter

Protocolo XP no Instagram

Marcos Serafim

Um jovem amante de Tokusatsu há 30 anos, apaixonado por games, Dragon Ball e Zohan

Artigos relacionados

Botão Voltar ao topo
%d blogueiros gostam disto: