Crítica

LOKI | Primeiras impressões da série

Primeira temporada terá seis episódios com lançamentos todas as quartas-feiras

A expectativa pela estreia da série do Loki da Marvel no Disney + tem estado nas alturas desde que o show foi anunciado pela primeira vez. WandaVision quebrou corações e Falcão e o Soldado Invernal quebraram limites, mas Loki prometeu quebrar nossos cérebros com uma trama extensa e pesada de viagem no tempo que pode ter consequências massivas para o multiverso do MCU e ligações futuras com Doutor Estranho no Multiverso da LoucuraHomem-Aranha: No Way Home.

Não se engane, há uma tonelada de coisas complexas acontecendo no primeiro episódio de Loki, mas como o personagem Mobius M. Mobius de Owen Wilson (para conhecer o personagem, clique aqui) diz alegremente ao perplexo Deus da Mentira quando o primeiro episódio se desenrola: “você vai alcançá-la”.

Loki / Marvel Studios – Foto: Divulgação

Logo de cara somos apresentamos em uma versão do personagem que conhecemos apropriadamente há quase uma década. Depois de sua conspiração fracassada para invadir Midgard em 2012, o amado vilão de Tom Hiddleston foi neutralizado e capturado pelos heróis mais poderosos da Terra. Definido para retornar a Asgard e ser punido por suas muitas transgressões, incluindo o assassinato do agente Phil Coulson e incontáveis ​​civis durante a batalha de Nova York. Loki repentinamente teve a oportunidade de escapar de seu destino quando Tony Stark tentou agarrar o Tesseract durante Vingadores: Ultimato e deu errado.

Loki fugiu com o cubo e deu início a uma nova linha do tempo problemática na qual ele não voltaria para Asgard, não sobreviveria à morte de seus pais adotivos e não conseguiria fazer as pazes com seu irmão. Ele não seria morto por Thanos também, e finalmente vamos descobrir o que vai acontecer com a versão “variante” de Loki nesta nova série de seis partes no Disney +. Quaisquer que sejam suas expectativas sobre Loki, o show vai superá-las bastante. Hiddleston está atuando de forma incrível usando cada gesto e expressão para puxá-lo um pouco mais para o lado de Loki e nos momentos em que a câmera permanece em seu rosto, ela fala por si só com suas expressões marcantes.

Loki / Marvel Studios – Foto: Divulgação

Toda a configuração é tão divertida e charmosa quanto você esperaria, mas parece que a Marvel gastou muito dinheiro para garantir que o show não descanse apenas nos brilhos dos olhos de Hiddleston e Wilson, apesar de a dupla ter uma formidável química na tela. A união do escritor de Rick & Morty , Michael Waldron, e da diretora de Sex Educatiion, Kate Herron, rendeu frutos bons frutos. Fora ainda que esse mix é recompensado com a participação exuberante da compositora de Knightfall, Natalie Holt, apresentando uma trilha sonora inesperada e inebriante que une todos esses elementos. Tanto trabalho claramente foi feito para construir o mundo desta produção que é muito do que Loki é, com tudo sendo bastante fundamentado em comparação com a escala global de Falcão e o Soldado Invernal.

Não que Loki não seja ambicioso! Tem ambição de sobra e quando a variante de Loki é atacada pela burocrática AVT (originalmente é TVA: Time Variance Authority) por crimes contra a linha do tempo sagrada e é arrastado para responder por esses crimes, somos guiados pelo processo hilariante e aterrorizante junto com ele, enquanto obtemos uma espiada em algumas grandes maquinações nos bastidores. Além disso, para onde quer que você olhe, há detalhes modestos, mas atraentes, que o farão apertar o botão de pausa, como por exemplo uma pilha de arquivos, algum equipamento da AVT ou mesmo um conjunto de gavetas com várias Joias do Infinito. A tarefa de manter o caos contido da linha do tempo funcionando é monótona dentro da AVT, mas a comédia sutil de sua burocracia bem lubrificada é perfeita e você sentirá a frustração de Loki sabendo que sua última chance pode depender de um selo literal de aprovação.

Loki / Marvel Studios – Foto: Divulgação

No geral, o primeiro episódio de Loki foi bastante promissor e promete apresentar com bastante sutileza o multiverso do MCU, esperamos que tudo isso seja mostrado de forma que seja agradável e divertida assim como o protagonista da produção no Disney +.

Trailer:

Loki

8.5

Nota:

8.5/10

Prós

  • História
  • Produção
  • Boa atuação de Tom  Hiddleston
  • Trilha sonora
  • Ligações com o futuro do MCU e multiverso

Contras

  • Episódio com momentos monótonos

Igor Ops

Professor de Biologia e Educação Física Escolar, amante de praticamente tudo do mundo nerd e lunático pela 7º Arte. Gosta da Marvel mas não tem vergonha de revelar para todos o seu amor platônico pela DC Comics e odeia a briga boba entre marvetes e dcnautas.

Artigos relacionados

Botão Voltar ao topo
%d blogueiros gostam disto: