Crítica

O ÚLTIMO CARA DA TERRA | Uma ótima comédia que merece ser assistida (Crítica da Série)

Quando pensamos em séries e filmes que sejam pós-apocalipticos, onde a raça humana quase não sobrevive a alguma catástrofe e/ou está batalhando para não entrar em extinção, logo nos vem a cabeça produções sobre zumbis, como ‘The Walking Dead’ ou ‘Resident Evil’, ou com alguma grande catástrofe natural, como no filme ‘2012’. Temos até produções que fazem comédia disso, como ‘Zumbilândia’.

A série que iremos falar hoje trata de um mundo pós-apocalíptico, onde apenas algumas pessoas sobreviveram e se juntam para tentar prosperar e vencer a solidão. Estou falando de ‘O Último Cara da Terra’, que é produzida pela Fox, criada e estrelada por Will Forte e possui 4 temporadas.

Primeiramente, vamos a sua sinopse:

Phil Miller era apenas um cara normal que amava sua família e odiava seu emprego no banco. Agora ele parece ser a última alma viva do planeta e a última esperança da humanidade.

O ano é 2020 e, depois que um vírus letal acabou com a vida humana em todo o planeta, apenas Phil sobreviveu. Usando seu carro, ele rodou o país em busca de outros sobreviventes, tendo viajado para todas as cidades dos Estados Unidos, México e Canadá, sem encontrar ninguém.

Enquanto retorna para sua cidade natal em Tucson, Phil chega à conclusão de que é, com quase toda a certeza, o último homem vivo sobre a face da Terra.

O Último Cara da Terra nos trás uma trama simples e hilária. O que você faria caso fosse (ou ao menos pensasse assim) a última pessoa viva na Terra? Começamos vendo Phil fazer várias coisas que temos vontade de fazer mas a sociedade não permite. Podemos morar onde quisermos, ter quaisquer carros, várias obras de arte, viver apenas de cueca e destruir tudo que nos dê na telha.

Em um primeiro momento, parece maravilhoso, até que Phil começa a sentir falta da companhia de outras pessoas, fazendo uma brincadeira com o filme Náufrago, ele se cerca de amigos imaginários, que são bolas de diversos esportes diferentes. Quando ele chega ao ápice da solidão e resolve por um fim a isso tudo, eis que a sorte muda e ele encontra outra sobrevivente, e depois outros mais.

Também é interessante perceber o que pode acontecer com toda a tecnologia desenvolvida pelo homem caso não tenha ninguém responsável por sua manutenção, desde simples sistemas de água encanada até mesmo a eletricidade e combustível.

A cada novo membro que entra para turma, com personalidades totalmente diferentes, novas situações surgem, e pessoas que não tem nada em comum acabam tendo que conviver, pois nesse caso, o ditado “antes só do que mal acompanhado” já foi vivenciado por cada um deles, e não deve ter sido nada legal.

Além de Forte, o elenco principal da série conta com Kristen Schaal como Carol, January Jones como Melissa, Mel Rodriguez é Todd, Cleopatra Coleman vive Érica e Mary Steengurgen é Gail, além de várias participações especiais ao longo das 4 temporadas, alguns personagens que recebem algum destaque mas logo deixam essa turma.

Infelizmente, “O Último Cara da Terra” foi cancelada pela sua produtora na 4ª temporada, sem dar um desfecho digno aos personagens que tanto nos divertiram durante essas temporadas, deixando algumas questões em aberto.

Com episódios curtos de 20 minutos e varias situações cômicas vividas por essa turma inesperada, O Último Cara da Terra é uma boa indicação para se assistir com a família ou até mesmo sozinho.

Nota: 4,5 / 5 

 


Gostou da matéria? Então dá aquela força, comenta e compartilha com seus amigos, curta, siga e fique ligado no Protocolo XP nas redes sociais.

Protocolo XP no Facebook

Protocolo XP no Twitter

Protocolo XP no Instagram

William Peloso

Pai do Pedro, Flamenguista, administrador e redator do Protocolo XP, auxiliar fiscal, muito prazer, William! Foco dividido em diversas áreas de cultura nerd/pop/geek, navegando entre games, livros, filmes, séries, animes e quadrinhos e claro, grande fã de Harry Potter, da Marvel, DC, Xbox, Playstation, Nintendo e PC!

Artigos relacionados

Botão Voltar ao topo
%d blogueiros gostam disto: