Filmes

CORINGA | Com medo de boicote, Warner Bros. solta nota oficial esclarecendo as acusações polêmicas sobre o filme

Antes mesmo de estrear nos cinemas, o filme de origem do Coringa já está causando polêmica pelas acusações de “ser uma obra perigosa”, visto que coloca um vilão em evidência. Certificando que o longa estrelado por Joaquin Phoenix não é uma obra que apoia a violência.

A Warner Bros. soltou uma declaração oficial sobre o filme do Coringa:

“A violência armada em nossa sociedade é uma questão crítica, e nós ampliamos nossa profunda simpatia para as vítimas e famílias impactadas com essas tragédias. Nossa companhia tem uma longa história de doações para vítimas de violência, incluindo Aurora, e nas semanas recentes, nossa companhia-mãe se juntou a outros executivos para pedir aos legisladores para decretar a legislação bi-partidária sobre essa questão. Ao mesmo tempo a Warner Bros. acredita que uma das funções da narrativa é provocar conversas difíceis sobre assuntos complexos. Não cometa erros: nem o personagem fictício Coringa nem o filme é um endosso da violência do mundo real de forma alguma. Não é a intenção do filme, dos cineastas nem do estúdio fazer o personagem ser tratado como um herói.”

Dirigido por Todd Phillips, que escreveu o roteiro com Scott Silver, o filme conta no elenco com Zazie Beetz, Robert De Niro, Bill Camp , Frances Conroy, Brett Cullen, Glenn Fleshler, Douglas Hodge, Marc Maron, Josh Pais e Shea Whigham. Lembrando que Coringa chega aos cinemas no dia 03 de outubro. 


Gostou da matéria? Então dá aquela força, comenta e compartilha com seus amigos, curta, siga e fique ligado no Protocolo XP nas redes sociais.

Igor Ops

Professor de Biologia e Educação Física Escolar, amante de praticamente tudo do mundo nerd e lunático pela 7º Arte. Gosta da Marvel mas não tem vergonha de revelar para todos o seu amor platônico pela DC Comics e odeia a briga boba entre marvetes e dcnautas.

Artigos relacionados

Botão Voltar ao topo
%d blogueiros gostam disto: