IgorListas

LISTA XP | Conheça as mães mais poderosas do mundo dos games (Especial Dia das Mães)

No Dia das Mães, sempre lembramos a importância que elas têm em nossa formação, seja pela doação ou pelo sacrifício que elas fazem por nós. No mundo dos videogames isso não é diferente. Por isso, destacamos aqui algumas das mais lembradas mães deste universo, seja pela entrega ao defender seus filhos ou por serem – literalmente – demônios.

Ana Amari (Overwatch) 

Ana é uma das heroínas mais importantes de Overwatch. Ela é uma das fundadoras do grupo. Durante a Crise Ômnica, Ana teve um papel fundamental em seu país natal, Egito, e por sua destreza com as armas, tomada rápida de decisões e instintos, fizeram dela uma opção natural para se juntar à força de ataque da Overwatch que terminou a guerra. Seguindo o sucesso da missão original do grupo, Ana serviu muitos anos como braço-direito do comandante de ataque Morrison.

Durante o período em que esteve lutando na Overwatch, ela dedicou seu tempo para criar sua filha, Fareeha Amari, que tinha o grande desejo de se tornar parte do agrupamento especial, assim como sua mãe, mas Ana não queria que sua filha se tornasse parte da Overwatch. Apesar de suas grandes responsabilidades liderando a organização, Ana se recusou a deixar as operações de combate. Ela continuou ativa até seus cinquenta anos, até acreditarem que ela morreu nas mãos de uma agente da Talon conhecida como “Widowmaker”, durante uma missão de resgate de reféns, ela forçadamente se afastou de sua filha por muitos anos.

Depois de um certo tempo desaparecida, ela resolveu retornar ao Egito para, de certa forma, se manter próxima à Farah sem que ela soubesse e até tentou uma aproximação, ao enviar uma carta para a filha, mas sem respostas.

Agora, Ana voltou à luta para proteger seu país das forças que poderiam desestabilizá-lo, e, mais importante, para manter sua filha e seus aliados mais próximos em segurança.

Draka (Warcraft) 

A orc Draka tem papel fundamental na mitologia de Warcraft, pois ela é a genitora de Thrall, um dos maiores líderes da Horda. Parte do clã dos Lobos de Gelo, ela conhece o guerreiro Durotan, que futuramente se tornaria líder do clã.

Após muitos anos, os dois resolvem se unir. Após a abertura do Portal Negro, no qual se inicia a invasão de Azeroth, Draka é avisada que está grávida e decide batizá-lo de Go’el. Ao chegar em Azeroth, ela e todo o clã dos Lobos Gelados, decidem viver exilados no Vale de Alterac, por não concordarem com os métodos do bruxo Gul’dan.

Antes desta jornada até o vale, Durotan se reúne com Orgrim Martelo da Perdição para avisá-lo dos planos de Gul’dan e o mesmo destaca um grupo de soldados para escolta-los até o destino final. Entretanto, os guardas não eram leais à Orgrimm e resolvem atacar todo o clã e matar a todos.

Na luta, Draka é obrigada a abandonar Go’el, que é encontrado por uma família de humanos e rebatizado de Thrall. Apesar do distanciamento com sua mãe, Thrall nunca abandonou suas origens e a força de sua mãe acabou moldando-o a ser um dos maiores líderes da Horda.

A história de Draka também foi retratado no filme Warcraft: O Primeiro Encontro de Dois Mundos e aparece em livros do universo expandido de World of Warcraft, cuja nova expansão – Shadowlands, deverá ser lançado ainda este ano.

Lilith (Diablo IV) 

Elemento-chave do próximo título da franquia Diablo, Lilith pode ser considerada a “mãe” de Santuário, local onde todos os eventos do jogo acontecem. Filha de Mephisto, o Senhor do Ódio, Lilith é um demônio que decide dar fim no conflito com os anjos, liderados por Inarius.

Cansados desta eterna batalha e longe de ter um fim, ambos decidem roubar a pedra dos mundos e criam o Santuário, um local que não pode ser acessado por anjos ou demônios. Dissidentes de ambos lados se uniram a eles e passaram a viver juntos no Santuário, dando origem aos Nephalem, ascendentes dos humanos.

Com o passar do tempo, Inarius passou a temer os Nephalem e decide exterminá-los. Já Lilith, tinha interesse em utilizá-los para dar fim ao conflito entre anjos e demônios de uma vez por todas e se desentende com Inarius. A mesma perde o controle e elimina todos os seguidores de Inarius, que resolve baní-la de Santuário para sempre. Inarius ainda resolve usar a pedra dos mundos para reduzir o poder dos Nephalem, dando origem aos humanos.

Em Diablo IV, anunciado durante a BlizzCon 2019, Lilith terá papel fundamental e usará seus poderes para trazer o caos ao mundo que criou.

Crimson Viper de “Street Fighter IV”

Ela é sexy, workaholic e sempre demora um tempo para ligar em casa depois de cada luta, mas nunca esquece da Lauren, sua filha. Ela mete a porrada em todo mundo e consegue ser uma fofura com a filhota assim mesmo.

Flemeth de “Dragon Age: Origins” e “Dragon Age 2”

Ela é a mãe da incrível Morrigan, uma das inúmeras feiticeiras do jogo e também é uma feiticeira muito poderosa. Morrigan é chamada para se jogar no mundo como companheira na missão do Warden (o herói, nesse caso, seu personagem).

A sra. Flemeth tem que assistir a filha se envolvendo com perigos. Mas ela não se preocupa tanto porque sabe que ela treinou Morrigan direitinho nos caminhos da magia.

Igor Ops

Professor de Biologia e Educação Física Escolar, amante de praticamente tudo do mundo nerd e lunático pela 7º Arte. Gosta da Marvel mas não tem vergonha de revelar para todos o seu amor platônico pela DC Comics e odeia a briga boba entre marvetes e dcnautas.

Artigos relacionados

Botão Voltar ao topo