Review

TENNIS WORLD TOUR 2 | Um game para rivalizar com Virtua Tennis e Top Spin (Review)

Tennis World Tour 2, lançado em setembro de 2020 pela parceria entre Nacon e Big Ant Studios, traz aos fãs dos jogos de Tênis um game totalmente refeito após o desastre que foi o primeiro jogo da franquia, lançado em 2018 e que gerou altas expectativas, mas não chegou nem perto, devido a sua terrível jogabilidade.

Agora a franquia parece ter encontrado um rumo que pode ser o início de uma boa série de jogos de Tênis, que não temos o prazer de encontrar desde Top Spin (último jogo lançado em 2011) e Virtua Tennis (último jogo lançado em 2012), não havendo nada de muito relevante nessa lacuna de tempo que tenha ficado marcado positivamente.

Eu que adentrei ao mundo dos games de Tênis com Tennis Arena e All Star Tennis 99 para o PS1, fico muito feliz em ver que ainda há vida inteligente e desenvolvedores esforçados produzindo games do estilo.

Tennis World Tour 2 é uma mescla entre um simulador e um arcade. O jogo é mais realista que seu antecessor, trazendo uma jogabilidade refinada que não se concentra tanto em deixar 100% fiel ao que é um jogo do esporte real, pois acrescenta conceitos de arcade, com cartas que afetam o desempenho dos tenistas.

Particularmente, achei o uso dessas cartas um tanto quanto desnecessário, o que prejudicou um pouco minha experiência. Preferia não ter esse tipo de artifício no game, pois buscava algo mais realista, mas faz sentido para o modo online, como forma de diversificar a forma de jogar de cada jogador, trazendo a possibilidade de surpreender seu adversário.

Os principais modos de jogo de TWT2 são o modo online e o modo carreira. No modo online, nada de novo a destacar, já no modo carreira, é possível criar seu jogador totalmente personalizado. O jogador decidirá a cada semana qual será sua atividade, de forma a subir no ranking e aprimorar as habilidades do personagem. 

O jogo conta com 38 jogadores licenciados, contando com os principais nomes dos últimos anos, como Roger Federer, Rafael Nadal, além do brasileiro Gustavo Kuerten e Marat Safin.

Falaremos um pouco agora sobre a jogabilidade de TWT2. O jogador precisará de um tempo para aprender a dominar os movimentos dentro de quadra, sendo necessário aos mais enferrujados ou principiantes, utilizar do tutorial disponível, além de praticar bastante. Em uma partida, não se trata apenas de correr para o lado que seu adversário arremessar a bola, a corrida e o movimento de golpear de volta ao adversário deverá ser bastante preciso se você quiser ter alguma chance.

Na parte gráfica e sonora, não temos nada de inovador ou novo, com o game fazendo o arroz com feijão, sendo que também não há o que destacar de negativo para o jogo nesses quesitos.

Tennis World Tour 2 vem com tudo pra recuperar uma franquia que começou errado, e agora dá sinais que pode render frutos e novos jogos no futuro, torçamos!

Tennis World Tour 2 está disponível para Xbox One, PlayStation 4, PC e Nintendo Switch. Confira seu trailer:

Tennis World Tour 2

7.5

Nota:

7.5/10

Prós

  • Jogabilidade
  • Jogadores licenciados
  • Modo carreira

Contras

  • Cartas de habilidade

William Peloso

Pai do Pedro, Flamenguista, administrador e redator do Protocolo XP, auxiliar fiscal, muito prazer, William! Foco dividido em diversas áreas de cultura nerd/pop/geek, navegando entre games, livros, filmes, séries, animes e quadrinhos e claro, grande fã de Harry Potter, da Marvel, DC, Xbox, Playstation, Nintendo e PC!

Artigos relacionados

Botão Voltar ao topo
%d blogueiros gostam disto: